Diário de Portugal: Museu do Oriente em Lisboa

Lisboa com crianças

Todas as sextas-feiras depois das 18:00 o Museu do Oriente, em Lisboa, abre suas portas para receber os visitantes gratuitamente. O Museu, que é praticamente desconhecido dos turista (e mesmo de muitos moradores), foi um dos mais lindos que visitamos até agora em Lisboa.

Nossa visita foi em abril de 2017 e ficamos aproximadamente 2:00 lá dentro. No prédio há também loja, cafeteria, restaurante e auditório.

 

Museu do oriente em lisboa

Entrada gratuita às sextas-feiras depois das 18:00

O Museu foi criado ao mesmo tempo que a Fundação Oriente, no ano de 1988 e aberto em 2008, com o intuito de fortalecer os vínculos entre as civilizações ocidentais e orientais, homenageando os antigos navegadores portugueses e as explorações longínquas que fizeram por aquele lado do mundo.

Há opções de visitas guiadas e também de brunch/almoço, no restaurante ou na cafeteria do Museu.

Nossa visita começou pelo térreo, onde havia uma exposição temporária O Olhar da Sibila – Corporalidade e Transfiguração, que mostra a metamorfose do corpo, interpretada por artistas dos séculos XX e XXI em oitenta e uma obras.

Museu do Oriente

Algumas peças da exposição O Olhar da Sibila

 

Museu do oriente em lisboa

Seu acervo permanente é composto de 2 grandes coleções:

A presença portuguesa na Ásia

São mais de mil objetos que abrangem a arte e a vida no oriente, dedicados à presença portuguesa na Ásia. São biombos, peças de arte nambam, peças em porcelana, móveis, tapeçarias, instrumentos, mapas, entre outras.  A diversidade das peças e o exotismo para nossa cultura ocidental são as grandes atrações. As crianças ficaram encantadas, curiosas e, a Juju, que ainda é pequena, ficou até assustada com algumas máscaras. 
 
Ela amou todas as explicações e histórias que lemos para ela entender os significados e tudo provocou muita curiosidade e interesse genuíno.
 
Museu do oriente

Peças do Museu do oriente – Coleção permanente

Museu do oriente

Peças de porcelana e estátua representando um holandês

museu do oriente em lisboa

Vestimentas, painel e biombo

Museu do oriente em Lisboa

Exposição A Ópera Chinesa

Coleção Kwok On – Artes Performativas e Narrativas e Religiões Populares da Ásia

O segundo grande acervo, a Coleção Kwok On, mostra peças relacionadas com as manifestações rituais do hinduísmo e das diferentes variantes de budismo, em países asiáticos. Também mostra peças de cunho religioso e máscaras de toda a Ásia, assim como de teatros de sombras e de outras marionetes, tanto da Índia e da China como da Indonésia e até 31 de dezembro de 2018, o Museu do Oriente apresenta a exposição A Ópera Chinesa, no 2º piso do Museu. São cerca de 280 peças tais como trajes, perucas, toucados, modelos de maquilhagem, marionetas, gravuras, pinturas e instrumentos musicais, bem como fotografias e vídeos sobre o tema.

Nem preciso dizer que essa parte foi puro encantamento!

 
Museu do Oriente em Lisboa

Peças da Exposição sobre Ópera Chinesa


Considerada um dos tesouros culturais da China, a ópera tradicional surgiu em finais do século XI, agregando elementos de formas artísticas bastante mais antigas. É uma síntese de várias artes, que engloba canto, música, fala, mímica, dança, técnicas de maquilhagem, acrobacia e artes marciais com manipulação de adereços como armas, barbas e leques.
 
A cada peça, a cada lenda, roupas ou marionetes as meninas vibravam. Foi mesmo encantador ver o interesse que demonstraram com a visita. Manoela chegou a dizer que foi ” o museu mais legal da vida”.
 
A cultura oriental é colorida e cheia de encanto. Não é difícil de se apaixonar.
 
Museu do oriente em Lisboa

A Lenda da Serpente Branca

 
O vasto repertório da ópera chinesa inclui comédias de costumes, histórias de amor, peças históricas e mitos fundadores da China.
 
No núcleo dedicado ao Repertório exploram-se quatro das suas mais célebres histórias: A História dos Três Reinos, A Viagem ao Ocidente, A Lenda da Serpente Branca e O Pavilhão da Ala Oeste. Casualmente pouco antes de virmos para Portugal, as meninas assistiram um filme que contava, justamente a Lenda da Serpente Branca. A estória estava viva na memória e elas amaram quando li novamente a lenda que estava em um dos painéis e viram as vestimentas e máscaras da ópera correspondente. Pediram se podiam assistir a uma Ópera que mostrasse a lenda! Achei o máximo :-).
 
museu do oriente em lisboa

Roupas, objetos e máscaras da Ópera Chinesa

O Museu tenta mostrar que através das peças em exposição é possível perceber os vários papéis da ópera na cultura e sociedade chinesas: a crítica de costumes, a exultação das virtudes guerreiras e morais, o temor aos deuses, a transmissão da sabedoria dos antepassados, entre outras. Tudo com uma riqueza de detalhes e capricho sem par.
 
Museu do oriente em lisboa

Máscaras e marionetes

 
A visita foi realmente encantadora. Recomendamos muito e lamentamos não ser possível mostrar aqui no post toda a beleza das peças e das exposições. Mas fica a dica: não deixe de visitar quando vier à Lisboa e antes de ir embora passe para conhecer a lojinha do Museu do Oriente. É impossível não se apaixonar também pelas peças que estão à venda!
 
Museu do oriente

A Lojinha do Museu do oriente

Se não comprar nada, ao menos você pode tirar umas fotos fofas como essas. Diz aí Juju, o que achou da visita?

Museu do oriente3 (1)

Se bater a fominha antes de ir embora desça até o subsolo e vá à cafeteria. Lá tem café, sucos e lanchinhos, além de algumas guloseimas.

Museu do oriente

Cafeteria do Museu

Gostou da dica? Compartilha à vontade e, se quiser, dá para pinar a foto abaixo no Pinterest:

Museu do oriente

Museu do Oriente

Endereço:
Av. Brasília, Doca de Alcântara (Norte), Lisboa

Ônibus: 12 – 28 – 714 – 738 – 742
Eléctricos: 15E – 18E
Trem: Linha de Cascais (Estação de Alcântara) */Linha da Azambuja (Alcântara-Terra)
* Na estação de Alcântara existe uma passagem subterrânea para pedestres com saída junto ao Museu.

Horário:
Terça-feira a domingo: 10.00-18.00
Sexta-feira: 10.00-22.00 (entrada gratuita das 18.00 às 22.00)
Encerrado: Segunda-feira, 1 de Janeiro e 25 de Dezembro
 
Preços:
 
Visitamos na sexta-feira depois das 18:00 então foi gratuito. Se você for em outro dia/horário, quiser fazer visita guiada ou obter outras informações clique aqui.
 
Em abril de 2017 os preços eram os seguintes:
 
0-5 anos: Gratuito
6-12 anos: € 2,00
Adultos: € 6,00
Mais de 65 anos: € 3,50
Estudantes: € 2,50
Família (dois adultos com três menores de 18 anos): € 14,00
Sexta-feira das 18.00 às 22.00: Entrada gratuita
 

_______________________________________________

 

Procurando hotel em Portugal? Clique aqui para fazer sua reserva. Somos parceiros do Booking, que oferece ótimos preços e cancelamento gratuito e fazendo aqui sua reserva não paga nada a mais por isso e nós ganhamos uma pequena comissão que ajuda a manter o blog!

 

____________________________________________

 

Procurando onde se hospedar com crianças em Lisboa? Veja aqui nossa dica!

Zoológico de Lisboa – Passeio imperdível com crianças!

Roteiro pelo Bairro Príncipe Real em Lisboa

Dica de passeio bate-volta desde Lisboa: Visitando Óbidos, a cidade das rainhas

Vá de Lisboa ao Algarve visitando castelos – Um roteiro inesquecível!

Hospede-se em um palácio no Algarve, sem ficar pobre!

Algarve com crianças: Passeando em Faro

Algarve com crianças: um dia em Tavira, a cidade das lendas e do rio de dois nomes

Hotel Vila Galé Évora – Simplesmente inesquecível

Férias em Portugal: 45 dias, 4 alegrias e 1 tristeza

Algarve com crianças: Júpiter Algarve Hotel, a pérola de Portimão

Viajando com crianças? Veja aqui nossas dicas para arrumar as malas

15 dicas para viajar de avião com crianças

O que é e como solicitar o PB4

Compartilhe este Post!

Sobre o Autor : Claudia Bins

12 comentários

  1. Adriana Magalhães Alves de Melo 6 de maio de 2017, 11:57 comentar

    Que museu lindo! Parece ser maravilhoso mesmo, obrigada por compartilhar!

  2. Fabio Junior Alves 6 de maio de 2017, 13:19 comentar

    Adorei o Museu do Oriente, realmente uma experiência cheia de descobertas. Lisboa está transbordando de boas opções culturais e artísticas. Já foi pra minha lista de prioridades na cidade.

  3. Luiz Jr. Fernandes 6 de maio de 2017, 13:25 comentar

    Me pareceu ser um lugar bem interessante e informativo para passear com as crianças. Quando tiver meus filhos quero fazer o possível para introduzi-los o mais rápido possível na vida de viajantes! Abraço!

  4. Pericles Rosa 6 de maio de 2017, 14:20 comentar

    Nunca visitei esse Claudia. Fica para a próxima vez que visitar Lisboa.
    É muito legal ver esse interesse das crianças pela ópera.
    Estou aqui no sul da India, e aqui tb tem influencia portuguesa 😉
    Abraço

  5. Keul Fortes 6 de maio de 2017, 19:50 comentar

    Adoro visitar museus em minhas viagens. Não sabia desse! Com certeza irei colocar no meu roteiro. =)

    Parabéns pelo post. Obrigada pela dica!

  6. Luis Felipe Afonso 6 de maio de 2017, 21:39 comentar

    Bem legal o Museu. Interessante este resgate histórico voltado aos povos visitados no momento em que Portugal comandava as explorações mundiais. Gostei!

  7. Marcia - Mulher Casada Viaja 6 de maio de 2017, 22:58 comentar

    Que museu legal, e o acervo parece maravilhoso! Ontem foi inaugurado um espaço em São Paulo, chamado Japan House, com exposições, palestras, tecnologia, em conjunto com espaços similares em Londres e Los Angeles.

  8. Mariana Bueno 6 de maio de 2017, 23:53 comentar

    Que legal! Estive ela, Lisboa no ano passado é realmente não sabia desse museu. Vai ficar para a próxima…

  9. Leo Vidal 8 de maio de 2017, 00:31 comentar

    Não conhecia ainda esse museu e fiquei curioso para conhecer em uma próxima vez na cidade. Valeu pela dica.

  10. Itamar Japa 8 de maio de 2017, 20:30 comentar

    Que museu maravilhoso. Adorei conhecê-lo através de seu post! Realmente é uma excelente dica pra quem visitar Lisboa.

  11. […] Museu do Oriente – Um dos melhores museus de Lisboa […]

  12. […] Museu do Oriente – Um dos melhores museus de Lisboa […]

Deixe um comentário

Seu e-mail não será exibido.