Roteiro Mosteiros de Alcobaça e Batalha

Roteiro Mosteiros e Nazaré

Uma viagem que contempla história, fé e uma linda aldeia a beira-mar é o que trazemos hoje, em uma sugestão de roteiro linda e perfeita para um bate-volta desde Lisboa ou Porto.  A viagem exige um pouco de fôlego para quem quiser fazer o roteiro completo em um único dia. Mas descanso é para a volta, não é? Se tiver mais dias, pode dividir o roteiro em 2 partes e pernoitar em Fátima, Nazaré, Leiria ou até mesmo na charmosa Óbidos.

 

Roteiro Mosteiros de Alcobaça e Batalha y otras cositas más

 

Mosteiros de Alcobaça e Batalha

Mosteiro de Alcobaça


Primeira parada: Mosteiro de Alcobaça

Era uma vez um príncipe português que, casado com uma princesa castelhana, apaixonou-se perdidamente por uma das damas de companhia de sua esposa. Inês era seu nome. Era nobre e vinha de uma antiga e poderosa família galega. Acontece que Inês sendo Galega e o momento político tenso entre Portugal e Espanha, o Rei D. Afonso, pai de Pedro, nunca aceitou a relação do filho, chegando mesmo a mandar exilar Inês. A esposa do príncipe, D. Constança, morreu poucos dias após o parto de seu filho Fernando e D. Pedro I passou então a viver com a amante, Inês, com quem teve 3 filhos, depois de mandar trazê-la de volta do exílio.  O Rei D. Afonso, cada vez mais desgostoso, finalmente, em 1355, condenou a pobre Inês à morte por alta traição, em Coimbra. Segundo a lenda, as lágrimas derramadas no rio Mondego pela morte de Inês teriam criado a Fonte das Lágrimas da Quinta das Lágrimas, e algumas algas avermelhadas que ali crescem seriam o seu sangue derramado. Quando D. Afonso morreu e Pedro I tornou-se Rei, mandou retirar a amada de seu túmulo e a coroou como rainha, ainda que morta. Houve até mesmo a cerimônia do beija-mão imposta pelo Rei à sua corte. A famosa frase “agora Inês é morta!” vem dessa triste história, que de tão importante consta na obra de Camões, Os Ilíadas.

 

mosteiros de alcobaça e batalha

Detalhes do Mosteiro de Alcobaça

Mas porque conto essa história aqui neste post?

Conto porque no Mosteiro de Alcobaça, estão os túmulos dos dois apaixonados, Pedro e Inês, um em cada lado do transepto e é uma das maiores atrações para quem visita o local.

Além dos túmulos de Pedro e Inês, dentro da igreja também se encontram túmulos de outros reis e rainhas de Portugal.

Mosteiro de Santa Maria de Alcobaça ou Real Abadia de Santa Maria de Alcobaça é desde 1989 considerado Patrimônio da Humanidade pela UNESCO e também foi eleito uma das sete maravilhas de Portugal em 2007.

Segundo a lenda, a construção do Mosteiro se deu após uma promessa de D. Afonso Henriques (o primeiro rei de Portugal) à Santa Maria. Ele prometeu erguer um mosteiro em sua homenagem caso ele conseguisse conquistar o Castelo de Santarém que estava sob domínio dos mouros. Como logrou o feito, mandou erguer o mosteiro para pagar a promessa.

O Mosteiro de Alcobaça é a primeira obra gótica erguida em solo português, a sua construção começou em 1178 pelos Monges de Cister.

 

mosteiros de alcobaça e batalha

O claustro e salas do Mosteiro de Alcobaça


Porque é legal visitar?

Porque o lugar é lindo mesmo! Para quem curte história e curte conhecer as raízes de um país, é um passeio delicioso. Além disso, vale a pena caminhar no entorno do Mosteiro para conhecer a pequena e charmosa cidade de Alcobaça. Sente em algum café na Praça e desfrute do ambiente. Imagine os reis e rainhas, a época medieval… 

Informações práticas:

Morada: Praça 25 de Abril 2460 – 018 Alcobaça

Bilhete individual – 6,00 €
Bilhete conjugado:  Mosteiro de Santa Maria de Alcobaça, Convento de Cristo e Mosteiro de Santa Maria da Vitória (Batalha) – 15,00€ [válido por 7 dias]
Visitantes com idade igual ou superior a 65 anos – 50%;
– Cartão de Estudante – 50% ;
– Cartão Jovem – 50%;
– Bilhete Família (2 adultos + mínimo 2 filhos, menores de 18 anos)  – 50% ; 

Visita gratuita:

– Domingos e feriados até às 14 horas para todos os residentes em território nacional (mediante comprovação documental);
– Crianças até aos 12 anos, inclusive;

 

mosteiros de alcobaça e batalha

Mosteiro da Batalha


Segunda parada: Mosteiro da Batalha

Uma das construções mais lindas que visitamos em Portugal desde a nossa chegada, o Mosteiro de Santa Maria da Vitória ou, simplesmente, Mosteiro da Batalha também foi mandado construir por um rei em pagamento de uma promessa. Foi o rei D. João I, em agradecimento pela vitória em Aljubarrota, contra os castelhanos em 14 de agosto de 1385, que lhe assegurou o trono e garantiu a independência de Portugal.

É considerado patrimônio mundial pela UNESCO e em 2007 foi eleito como uma das Sete Maravilhas de Portugal.

O Mosteiro sobressai às vistas tão logo o visitante chegue a pequena cidade de Batalha e além de visitar a igreja e o Mosteiro, com seus 2 claustros, sala do capítulo e outras dependências, não deixe de visitar as Capelas Imperfeitas.

Também chamadas de o Panteão de D. Duarte, as capelas foram uma solicitação de D. João I que D. Duarte levou à diante. Com sua forma octogonal com grandes janelões e ladeadas pequenas capelas que se destinavam a servir de mausoléu para D. João II e D. Leonor.

Para quem conhece o Convento do Carmo, em Lisboa, vai lembrar do efeito dramático que a falta do teto faz em contraste com as paredes ricamente decoradas do recinto. As pedras rendadas são espetaculares.

 

Mosteiros de alcobaça e batalha

Detalhes do Mosteiro da Batalha


Porque é legal visitar?

Porque é lindo demais. Como eu disse acima, o prédio mais lindo que visitamos em Portugal (na minha modesta opinião). Porque vale muito sentar em um dos cafés do Largo ao lado do Mosteiro para apreciar a vista e fotografar.

 

Mosteiros de alcobaça e batalha

As Capelas Imperfeitas

Informações práticas:

Morada: Largo Infante Dom Henrique, Batalha

Preço:

Bilhete Individual: 6 €

Bilhete conjunto Rota do Património (Alcobaça, Batalha, Convento de Cristo): 15 €

Bilhete especial:
– 
Visitantes com idade igual ou superior a 65 anos (devidamente identificados) – 50%

– Cartão de estudante – 50%

– Bilhete Família (é aceite a 2 adultos + mínimo 2 filhos menores de 18 anos) – 50%, mediante documento

Entrada livre:
– Domingos e feriados, até às 14h00, para todos os cidadãos residentes em território nacional

– Crianças até aos 12 anos, inclusive.

 

mosteiros de alcobaça e batalha

Santuário de Fátima


Terceira parada: Santuário de Fátima

Construído para preservar a memória das aparições de Nossa Senhora aos três pastorinhos – Lúcia dos Santos, Francisco e Jacinta Marto – em 1917, o Santuário de Nossa Senhora do Rosário de Fátima é um dos mais importantes santuários marianos do mundo pertencentes à Igreja Católica. Foi visitado pelos Papas Paulo VI (1967), João Paulo II (1982, 1991 e 2000), Bento XVI (2010) e Francisco (2017). Este último visitou o santuário durante as festas do centenário das aparições.  

Porque é legal visitar?

Honestamente, o local é legal para quem curte turismo religioso. Caso não seja o seu caso, pule para a próxima parada.

Foto: Ingo Mehling

Informações práticas:

Morada: Apartado 31 – Fátima

A visita ao santuário é gratuita.

 

mosteiros de alcobaça e batalha

Nazaré e seus encantos


Quarta parada: Nazaré

Eu sou suspeita porque sou apaixonada por Nazaré. O pequeno vilarejo de pescadores à beira-mar, o promontório que funciona como um magnífico mirante natural, toda a história associada ao monte, as mulheres vestidas de preto, outras com as sete saias, as ondas gigantes na praia do norte, no inverno, a imensa praia de areias claras no verão… tudo conspira para que sua visita seja magnífica. Aconselho ir em um dia de sol, no entanto. Você perderá grande parte da beleza do local sem o azul do céu.

Se fizer nosso roteiro, vai chegar à Nazaré no final do dia e provavelmente estará cansado(a). Sugiro ir diretamente ao Monte da Nazaré, onde fica o Santuário de Nossa Senhora da Nazaré, a Ermida da Memória e o Miradouro do Suberco. Lá vai encontrar vários cafés e restaurantes onde poderá descansar um pouco enquanto contempla séculos de história.

Enquanto observa a paisagem, relembre a famosa lenda do milagre que Nossa Senhora fez, quando impediu o cavalo de um fidalgo, D. Fuas Roupinho, de cair no desfiladeiro, após o mesmo tê-la invocado com grande fé. Dizem que ele cavalgava atrás de um veado que correu até a beira do precipício quando um fortíssimo nevoeiro caiu sobre eles, impedindo-os de verem o abismo. Conta a lenda que o fidalgo em agradecimento mandou erguer a Ermida da Memória, em homenagem à Nossa Senhora, em agradecimento.

Vá até a beira do miradouro, ao lado da Ermida e olhe-a por trás. Verá uma pequena composição de azulejos que mostra a cena descrita acima.

 

mosteiros de alcobaça e da batalha

A entrada para a Praia do Norte, a Ermida da Memória e a praia de Nazaré

 

Ali pertinho, verá também um cruzeiro, o Cruzeiro de Nazaré (ou Padrão de Vasco da Gama). Dizem que o famoso Almirante peregrinou à Nazaré antes de embarcar à descoberta do caminho marítimo para as Índias. Lá, invocou sua proteção e trocou a grossa corrente de ouro que trazia ao pescoço pelo simples colar de contas da Santa. Reza a lenda que ao cruzar o Cabo das Tormentas enfrentou fortíssima tempestade, que pôs em perigo toda a tribulação, quando o almirante jogou ao mar o colar de contas e invocou Nossa Senhora, quando o mar se acalmou. Ao retornar da viagem, Vasco da Gama teria retornado ao Sítio de Nazaré como romeiro e em agradecimento à Virgem ofereceu-lhe um manto precioso.

Se ainda tiver fôlego, caminhe até o Ascensor da Nazaré, um funicular que une o Sítio à Vila de Nazaré, de onde terá vistas magníficas enquanto desce (ou sobe). Lá embaixo poderá caminhar pela antiga vila, tomar outro café ou até mesmo jantar em um dos tantos restaurantes à beira-mar. O Pôr do Sol lá do miradouro é algo espetacular, programe-se para estar lá em cima para ver.

Informações práticas:

Ascensor de Nazaré – Preços:

  • 0 a 3 anos – gratuito
  • 4 a 12 anos – 1,00 € | ida e volta – 1,90 €
  • Adulto – 1,50 € | ida e volta – 2,490 €

Depois desse passeio lindo, você está pronto para regressar, com os olhos cheios de imagens inesquecíveis, a mente repleta de memórias e o coração inspirado por tantas lendas e histórias. 

 

____________________________________________________________

Planeje sua viagem 

Procurando hotéis ou apartamentos em Portugal? Faça suas reservas clicando no link abaixo, escolha opções com cancelamento grátis e leia os reviews e comentários sobre cada oferta. Assim você garante o melhor preço e a melhor opção de hospedagem para sua viagem através do nosso parceiro Booking. Se quiser procurar em outra cidade é só clicar e alterar o nome da cidade aqui:

Booking.com  

 

Ainda não é cadastrado no Booking? Clique aqui e receba R$50,00 (ou 12,5 euros) de crédito na primeira viagem.

Se vai viajar não esqueça de fazer seu seguro viagem. Faça sua cotação aqui e escolha o tipo de cobertura que mais lhe convém na World Nomads, parceiro aqui do blog.

Alugue um carro na RentCars, nosso parceiro. Compare os preços e tenha mais liberdade nos seus passeios

Compre seus ingressos clicando aqui e evite filas nas atrações mais bacanas da cidade.

____________________________________________________________

 

Procurando sugestões de passeios por Portugal?

 

Roteiro Vila Nova de Gaia e Coimbra, com paradas estratégicas (e lindas)

Roteiro em Sintra, pelo centro histórico

Roteiro de um dia em Cascais pelo centro histórico

Lisboa com crianças – 10 passeios imperdíveis com os miúdos

10 lugares para visitar no verão em Portugal

Como é o voo TAP para o Brasil, com crianças

Mercado Medieval de Óbidos

Butchers – Carne de primeira em Lisboa

Estufa fria de Lisboa

L’Éclair Patisserie – Um pouco de Paris em Lisboa

Pastelaria Versailles, um dos cafés mais bonitos de Lisboa

Roteiros, hotéis e passeios no Algarve 

Roteiros, hotéis e passeios no Alentejo

Veja o relato completo do roteiro de Évora ao Porto aqui.

15 razões para visitar Aveiro, a Veneza de Portugal

Colhendo cerejas em Portugal

Procurando onde se hospedar com crianças em Lisboa? Veja aqui nossa dica!

Zoológico de Lisboa – Passeio imperdível com crianças!

Sesimbra – Um bate-volta de Lisboa no melhor estilo BBB – e lindo demais!

Museu do Oriente – Um dos melhores museus de Lisboa

Roteiro pelo Bairro Príncipe Real em Lisboa

Fábrica da Nata – Um dos Cafés mais lindos de Lisboa

Dica de passeio bate-volta desde Lisboa: Visitando Óbidos, a cidade das rainhas

Vá de Lisboa ao Algarve visitando castelos – Um roteiro inesquecível!

Hospede-se em um palácio no Algarve, sem ficar pobre!

Algarve com crianças: Passeando em Faro

Algarve com crianças: um dia em Tavira, a cidade das lendas e do rio de dois nomes

Hotel Vila Galé Évora – Simplesmente inesquecível

Férias em Portugal: 45 dias, 4 alegrias e 1 tristeza

Algarve com crianças: Júpiter Algarve Hotel, a pérola de Portimão

Viajando com crianças? Veja aqui nossas dicas para arrumar as malas

15 dicas para viajar de avião com crianças

 

Pensando em morar em Portugal? Veja aqui nossas dicas quentinhas

 

Comprar carro em Portugal

4 Dicas práticas para quem pensa em vir morar em Portugal

Leia aqui o checklist que fizemos antes de nossa mudança

Checklist depois da mudança – o que você vai ter que fazer assim que chegar lá

Adaptação da família em Portugal

Dicas para alugar apartamento em Cascais

Como abrir conta bancária em Portugal – Nossa experiência com o Activo Bank

Como transferir dinheiro do Brasil para Portugal – Nossa experiência com o TransferWise

SEF – Autorização de Residência e a novela do visto

 Leia aqui como obtivemos o visto D7 para residir em Portugal

Como obter o visto de imigrante empreendedor

Vai dirigir em Portugal? Saiba como trocar sua CNH pela Carta de Condução Portuguesa

Dicas para mobiliar sua casa em Portugal

Supermercados em Portugal

PB4 – O que é e como pedir o seu

Como é o atendimento médico de urgência em Portugal (ou como foi nossa experiência)

Apartamento para alugar na ribeira do Douro no Porto

Como alugar um apartamento pelo Airbnb – Dicas testadas e aprovadas por nós

Como é o atendimento médico de urgência em Portugal (ou como foi nossa experiência)

10 coisas estranhas em Portugal!

Já pensou em alugar apartamento e passar as férias como um local? Aqui ensinamos como nós fazemos!

 

 

Compartilhe este Post!

Sobre o Autor : Claudia Bins

0 Comentário

Deixe um comentário

Seu e-mail não será exibido.

error: Content is protected !!